Buscar
  • Daphne Ruivo

Aromaterapia: como ela pode te ajudar durante e após a quarentena

Imunidade, ansiedade, insegurança e estresse são alguns dos pontos em que a Aromaterapia pode ajudar (e muito)

Daphne Ruivo (@daphneruivo)


Imagem: Getty Images/EyeEm - Aromaterapia


A quarentena, com certeza, está sendo uma montanha-russa de emoções. Yoga, meditação e exercícios físicos podem ser uma válvula de escape nesse momento. Mas você já pensou em apostar na aromaterapia. Para entender melhor seus benefícios, conversamos com Cristiane Pagliuchi Silveira, aromaterapeuta, osmóloga, engenheira cosmética da WNF e diretora científica da Vegana. "Os óleos essenciais são fundamentais para relaxar, acalmar, transformar e purificar ambientes, tranquilizar, proporcionar a paz, equilíbrio e alegria", disse Cristiane. Leia o bate-papo completo abaixo:



GQ Brasil: Quais são os benefícios da aromaterapia para a saúde e como ela consegue estimular mente e corpo? Cristiane: Os óleo essenciais naturais são a forma de energia vegetal mais concentrada que existe e são extraídos de plantas aromáticas. Cada planta possui um ativo molecular e deve agir de forma específica no organismo humano.


Para você ter uma ideia, uma  gota de óleo essencial é, em média, 30 gramas de planta in natura. Ou seja, para obter um litro de óleo essencial são necessárias centenas de quilos de plantas. Portanto, os óleos são muito potentes e concentrados, devendo sempre ser usados em gotas.


Os benefícios dos óleos essenciais são enormes tanto para o físico quanto para o emocional, já que eles são compatíveis e de fácil absorção em todo o corpo. Usamos no ambiente e no corpo para proporcionar saúde, equilíbrio e bem estar.

No contexto que estamos vivendo hoje, o uso de óleos essenciais são fundamentais para relaxar, acalmar, transformar e purificar ambientes, tranquilizar, proporcionar a paz, equilíbrio e alegria.


Por outro lado, se a pessoa está de cama, convalescença, triste, sem ânimo, sem motivação, indicamos o óleo de alecrim e de laranja doce (ou grapefruit) para animar e realmente estimular a mente para ação de físico e emocional. GQ Brasil: Quais tipos de óleos essenciais são os mais recomendados? Cristiane: Recomendo para relaxar, dormir melhor e acalmar a mente e o corpo, lavanda francesa, laranja doce, erva doce e camomila. Podem ser usados separadamente ou associados um com os outros em várias proporções (nesse caso chamamos de sinergia de óleos essenciais). Esses são os mais usados e de melhor custo benéfico, além de serem fáceis de achar no mercado.

Para estimular e equilibrar questões de tristeza ou casos de desmotivação intensa, indicamos laranja doce, grapefruit, alecrim e em alguns casos lemongrass. Para imunologia, no ambiente, melaleuca, tomilho, Lavanda brasil, eucalipto, alecrim, limão siciliano e laranja doce. Para compulsão alimentar por causa de insegurança e estresse, indicamos os óleos cítricos (grapefruit ou laranja doce) e erva doce associados. GQ Brasil: Ansiedade, insegurança e estresse estão entre os queixas mais evidentes nesse período de pandemia. O que fazer para controlar, melhorar e se manter mais equilibrado e dormir melhor? Cristiane: Para acalmar e equilibrar o físico e o emocional, sugiro o uso no ambiente através de difusores  (pode ser com vela, com lâmpada ou ultrassônico) sempre com água para o óleo não queimar e uso no corpo, após o banho. Uso pós banho: você pode usar o óleo diretamente na pele associado a um óleo neutro vegetal, ou creme neutro, nesse caso o melhor momento seria após o banho de noite ou antes de dormir. Proporção ideal 5 ml de óleo base para 2 gotas de óleo essencial (pode ser um único óleo ou misturado).


Uso no ambiente: os óleos devem ser usados na difusão aérea, através de difusores a vela,  com lâmpada, tomadinha ou ultra sônicos. Proporção: 10 ou 15 gotas para até 3 horas de Aromaterapia.

Na parte da noite: no horário de dormir, nosso organismo procura um local aconchegante, sem barulho, com meia luz ou pouca luz, que proporciona a liberação no organismo de um hormônio que se chama melatonina.


No momento em que estamos vivendo, o ideal é não ver TV após as 20h, evitar noticiários sensacionalistas, não ter contato com palavras negativas e que influenciam na tranquilidade geral do seu organismo, podendo causar qualquer insegurança ou medo.

Filtre as informações sempre! Esse isolamento que o mundo está fará com que as pessoas pós COVID 19, sejam mais seletivas, mais cuidadosas com o falar, com seu posicionamento no mundo.  Seja ele na escolha da sua alimentação, ou no seu estilo de vida.  O consumo passará a ser mais consciente e inteligente. 

Novos hábitos serão implementados para os humanos e animais. Precisamos de um equilíbrio físico e mental, capaz de alterar a frequência dos pensamentos e das nossas ações.


GQ Brasil: Quais são as formas mais comuns de usar óleos essenciais (inalando, no banho, pela casa, em massagens...)?

Cristiane: Podemos usar no ambiente e no corpo.


No ambiente: através de difusão aérea, através de difusores a vela,  com lâmpada, tomadinha ou ultra sônicos. Nesse caso use na seguinte proporção: 10 ou 15 gotas junto com água para até 3 horas de Aromaterapia.


Através de inalações caseiras: Em uma bacia ou panela funda coloque 2 litros de água quente com 3 gotas de óleo essencial, respire profundamente por até 6 minutos no máximo. Pode ser feito até 3 x ao dia, conforme sua necessidade. No corpo: use sempre misturado com óleo carreador base ou creme neutro, em massagens ou como hidratante após o banho. Para o corpo todo : misture 10 ml de óleo vegetal (pode ser qualquer um) + 5 gotas de óleo essencial, no máximo 6 (pode ser de um único óleo ou misturados como sinergias). GQ Brasil: O que fazer para melhorar a imunidade?

Cristiane: Para melhorar a imunidade devemos definir algumas ações que em conjunto fortalecem o organismo como um todo. Sugiro rever a alimentação e seus hábitos em geral. Para a alimentação procure comidas frescas e se possível orgânicas e de noite evite gorduras, frituras, cafeína, chocolate e comidas condimentadas. Use os seguintes óleos essenciais no ambiente: Melaleuca, tomilho (e/ou Alecrim) + eucalipto + limão siciliano e lavanda brasil + lemongrass. Não precisa usar todos os óleos, você pode escolher o que for melhor para você naquele momento. Pode usar somente um óleo se quiser. No corpo: Massagens com eucalipto, alecrim, lavanda brasil e melaleuca para as costas, se quiser e não for sair no sol, pode usar o limão siciliano ou laranja doce ou grapefruit (como saber qual escolher:? Limão siciliano como bactericida, laranja doce como antidepressivo leve e grapefruit ajuda em processos de melancolia e desmotivação)  Misture como desejar. Não precisa usar todos os óleos, você pode escolher o que for melhor para você naquele momento. Pode usar somente um óleo se quiser. Se for de noite evite o alecrim, ele pode tirar o sono. A associação entre a difusão no ambiente e a permeação cutânea já é suficiente para incentivar positivamente o organismo e todo o sistema imunológico, não sendo necessário a ingestão dos óleos essenciais.


Fonte: GQ Globo https://gq.globo.com/Corpo/Saude/noticia/2020/06/aromaterapia-como-ela-pode-te-ajudar-durante-e-apos-quarentena.html


#AromasDaNovaEra #Aromaterapia #CristianePagliuchi #GQGlobo #quarentena #coronavírus #aromatherapy #óleosessenciais #aromaterapiaparaajudarnapandemia

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo